WorkShop – Saúde íntima da Mulher

WorkShop – Saúde íntima da Mulher

WorkShop – Saúde íntima da Mulher

Vamos conversar sobre a sua saúde íntima? Mais uma vez o nosso foco é o público feminino, pois infelizmente as mulheres são as que menos conhecem sobre seu próprio corpo de uma maneira geral:

  • anatomia
  • sensações
  • saúde e
  • prazeres

Topa um papo interessantíssimo em poucos minutos? Então clique e venha saber mais sobre Massagem Tântrica e Pompoarismo para a Saúde Íntima da Mulher.

WorkShop – Saúde íntima da Mulher

Recentemente em Curitiba-PR, teve um Workshop muito interessante com uma Psicóloga especialista em Massagem Tântrica e que também pode contar com a presença ilustre da Fisioterapeuta Pélvica Dra Ana Gehring, que vem fazendo grande sucesso em suas redes sociais, ajudando a descomplicar a sexualidade feminina, compartilhando dicas e conhecimentos para todas as mulheres, fazendo grande diferença em suas vidas sexuais.

E claro que nós não poderíamos ficar de fora desse super encontro. A Terapeuta Tântrica Álisha, esteve presente nesse Workshop, representando toda a equipe do DIWALI, participando desse bate papo e absorvendo todas as principais informações desse encontro pra vir contar pra gente.

E aí, tá ansiosa também?

Saúde íntima – É importante falar sobre sexo

O fato de especialistas da área da saúde estarem falando sobre Tantra e recomendando, é sinal de que você também precisa conhecer os benefícios que essa prática pode lhe proporcionar. Mas antes precisamos começar a entender a importância em falar sobre SEXO, perder o medo, vencer o tabu e ouvir as maravilhas que essa mudança fará em sua vida.

Você pode não acreditar, mas ainda tem mulheres que não conhecem a anatomia da sua região íntima, não sabem diferenciar o clitóris da uretra, possui dúvidas sobre a higienização dessa área e possui vários medos e tabus que nossa geração plantou na nossa evolução.

Está mais do que na hora, de você deixar os ensinamentos antigos de lado, e se permitir entender o seu corpo, começando por se olhar no espelho. Isso mesmo, você já se olhou no espelho?

Você já se olhou no espelho hoje?

Um simples ato, que  leva minutos para ser feito, mas tantas mulheres possuem medo e acredite, até nojo de olhar para o seu genital. Mulher, você é linda. E não é apenas o seu sorriso, todas as suas curvas, e isso inclui as curvas do seu genital. Você precisa se conhecer, tirar suas dúvidas e explorar o seu corpo. A sua descoberta, o seu conhecimento sobre o corpo feminino e o prazer feminino, começa por você.

Não culpe o seu parceiro.

Como nós podemos jogar toda a carga em nosso parceiro, em saber nos dar prazer, se nem você mesma sabe onde mais gosta de ser tocada? Já descobriu o seu ritmo, seu caminho, os estímulos que você mais gosta? Isso inicia com a masturbação.

Claro que, depois que você conhecer seu corpo, pode sim dar uma cutucada no parceiro e compartilhar essas dicas para que ele pare de praticar erros grotescos sobre o prazer feminino, tá?

SOCORRO!! “Que horrível, mas que informativo mais vulgar é esse?”

Se a sua mente ainda está em negação, você ainda vive nos tempos antigos, onde a mulher era reprimida, educada para servir seu marido, e nada mais que isso. A mudança inicia por você mesma. Mais uma vez, deixe o medo do julgamento de lado, e evolua a sua mente e o seu espírito, corpo e sexo não é pecado.

Nós mulheres estamos em uma constante e evolutiva luta em busca da nossa igualdade e direitos. Lembre-se, não faz muito tempo onde a mulher não tinha voz. Era privada de votar e muitas outras situações. Até hoje existem culturas em países onde a mulher é proibida de sentir prazer, onde meninas que alcançam a juventude tem seus clitóris arrancados, em um ritual de tortura. Mas isso é um papo bem mais profundo e sério, que precisamos discutir com calma em outro momento.

Quero me conhecer!

Parabéns!! Você acabou de dar um grande passo, que é se permitir. A partir de hoje você vai dedicar mais tempo pra você, para buscar informações sobre a sua saúde íntima. Uma forma maravilhosa e prazerosa de se iniciar essa descoberta, e realmente preparar um tempo somente pra você.

Separe em sua agenda, um tempinho onde você tenha certeza de que ninguém irá lhe interromper, um horário onde de preferência você esteja sozinha em casa, deixe o gato, cachorro ou piriquito fora do quarto, ninguém poderá tirar sua concentração nesse momento rs.

Vamos à uma dica imperdível!

Dá play naquela playlist romântica que você usa pra pensar no cursh, desliga a TV, apaga a luz e deixa apenas o abajur ligado. Prepara um óleo (de preferência o óleo de coco, que lubrifica bastante, rende, e além de ter um cheirinho delicioso traz vários benefícios para a flora ) fecha os olhos, e com toda a palma da sua mão, espalhe todo esse óleo por toda a sua região íntima, e isso inclui virilha, vulva, lábios maiores, clitóris, lábios menores. Faça isso com calma, e sinta as inúmeras sensações que você irá despertar com esse simples ritual de amor próprio. Você irá perceber seu corpo relaxar, reagindo a cada estímulo. Essa experiência não tem limites, e você pode e deve ir até onde sentir desejo e vontade. Aos poucos você poderá evoluir, incluindo um bullet e acessórios que lhe ajudem a despertar toda sua energia sexual. Claro, quando e se, você sentir vontade.

Continuuuua e me dá mais dicas!! Miga sua loka.

Recuperando o fôlego e as estribeiras, vamos voltar ao foco do Workshop. Toda essa brincadeira e descontração é para lhe mostrar, que tudo começa conhecendo o seu corpo e evoluindo a sua mente contra preconceitos e tabus.

No workshop, foi compartilhado dicas tão boas quanto essa, para criar momentos para o seu autoconhecimento corporal, e até mesmo dicas de como levar momentos diferentes e toques diferentes para o seu relacionamento e relação sexual. Isso você também pode conhecer e aprender através dos nossos Cursos de Massagem Tântrica, aqui mesmo no Diwali.

Fisioterapeuta Pélvica

No Workshop, também aprendemos muito com as informações e aulas da Dra Ana Gehring que é Fisioterapeuta Pélvica. Eu sei colega, não precisa disfarçar, você nunca tinha ouvido falar.

Várias complicações na vida sexual da mulher como vaginismo, dispareunia, que seriam dores na relação sexual, até mesmo a falta de lubrificação natural da vulva, são assuntos que apenas uma especialista no órgão sexual feminino poderia lhe auxiliar.

Olha que interessante, pouco sabemos sobre nossa vulva, e muito menos que existem exercícios que fortalecem ou ajudam no alongamento da musculatura do canal vaginal.  Está sem entender ainda mais? Então olha só uma breve explicação sobre o assunto no blog da Dra Ana:

“Tem a impressão que seu canal vaginal é estreito demais?

Muitas mulheres acabam por sofrer de vaginismo, que é a impossibilidade de penetração ou por dispareunia, que é a dor durante a relação por crer que sua região intima é muito pequena.

Durante as sessões de fisioterapia pélvica devolvemos a região intima a capacidade de relaxamento e alongamento muscular que fica rígido devido as tensões causadas por penetrações sem sucesso, dor e ardência na penetração entre outros fatores.”

Se você passa por um desses sintomas, procure uma Fisioterapeuta Pélvica na sua região. Lembrando que um Terapeuta Tântrico não substitui um acompanhamento médico, e serve como uma terapia complementar no seu tratamento.

Você gostou desse post?

Não esqueça de compartilhar com as amigas, toda informação que nos foi válido de alguma maneira, devemos compartilhar com outras pessoas, contribuindo em levar dicas para quem precisa.

Lembrando que você também pode visitar o Diwali e tirar dúvidas com nossos profissionais.

É com imenso prazer que encerramos mais uma publicação, com alegria em estar compartilhando conteúdo de relevância e guiando mulheres em sua jornada de autoconhecimento e evolução.

saúde íntima da mulher

Workshop – Saúde íntima da mulher

O Diwali sempre em busca de conhecimento, e compartilhando com vocês.

 

Álisha – Terapeuta Corporal Tântrica

Atende diariamente no Diwali – Centro Tântrico

R Comendador Araújo 493 / Batel / Curitiba – PR

Instagram: @alisha.terapia

* Próximo ao Hard Rock Café / Atendimento apenas com hora marcada

Serviços:

  • Atendimento de Massagem Tântrica para Homens
  • Atendimento de Massagem Tântrica para Mulheres
  • Atendimento de Massagem Tântrica para Casais
  • Curso de Massagem Tântrica Individual (Homem ou Mulher)
  • Curso de Massagem Tântrica para Casal

Palestrante:

Fisioterapeuta Pélvica
Dra Ana Gehring

 

Endereço

R. Comendador Araujo, 493
Batel - Curitiba/PR

Telefone

(41) 4101-6576
(41) 9 9765-8441

Atendimento

Segunda à sexta 10h - 19h
apenas com hora marcada
Sábado 13h - 17h
apenas com reserva

Reserve agora!